As verdades sobre os remédios para emagrecer

 As verdades sobre os remédios para emagrecer

Remédios é comum ouvir muito se falar a respeito de medicamentos que ajudam a perder peso com rapidez, o que, automaticamente, chama a atenção de muitas pessoas que estão tentando eliminar os quilinhos a mais. No entanto, é fundamental abrir os olhos.

Nem sempre esses fármacos são indicados a todas as pessoas que desejam perder peso e, não raro, é melhor ser evitado por todo mundo.

Quer saber por quê? Continue lendo este artigo e descubra quais são as verdades sobre os remédios para emagrecer.

Possuem alto valor no mercado

 As verdades sobre os remédios para emagrecer

 

Mesmo parecendo atrativos em um primeiro momento, os fármacos que são divulgados como grandes aliados do emagrecimento rápido podem frustrar quem deseja adquiri-los.

Isso acontece porque não costumam ser baratos e ter alto preço no mercado.

Alguns podem até possuírem preços mais acessíveis, sendo ainda mais perigosos, porque aumentam as chances de serem comprados.

De qualquer forma, é preciso avaliar se ter uma alimentação saudável não vale mais a pena, além de ser muito mais seguro e barato.

Afinal, para emagrecer basta escolher os alimentos mais nutritivos, que não necessariamente são os mais caros.

Afinal, frutas, verduras e legumes saem mais em conta do que lanches calóricos e frituras.

Nem todos são indicados para emagrecer

 As verdades sobre os remédios para emagrecer

Na ânsia por emagrecer, não são poucas as pessoas que começam a tomar um remédio que diz ter essa função por recomendação de amigos e, por isso, nem mesmo leem a sua bula.

O problema é que muitos desses fármacos não são indicados para a perda de peso.

É o caso de alguns antidepressivos, que tem como efeito colateral a perda de apetite.

 Ou seja, é um medicamento que serve para um problema sério, sendo que o efeito emagrecer é simplesmente um sintoma adverso.

sso pode no longo prazo provocar danos a sua saúde.

Também há os remédios que realmente são indicados para emagrecer, porém, são prescritos somente para indivíduos obesos, que possuem outras doenças associadas ao quadro, como compulsão alimentar.

Mesmo eles devem ser unicamente receitados por um médico.

Se você apenas quer eliminar alguns quilinhos a mais pode fazer isso ingerindo menos alimentos.

 Também pode optar pelos mais nutritivos, como carboidratos integrais, proteínas magras e boas gorduras, além de toda a variedade de vegetais.

Contam com efeitos colaterais

 As verdades sobre os remédios para emagrecer

Até quando uma pessoa toma remédio que é receitado para pessoas com obesidade é preciso estar consciente de todos os efeitos colaterais que o seu uso pode causar.

Esses sintomas adversos dependem de cada tipo de fármaco, já que há uma grande variedade.

Outro cuidado a se ter na hora de pensar em tomar remédio para emagrecer é que alguns são vendidos ilegalmente, por terceiros mal-intencionados que só querem lucrar com o desespero dos outros.

Alguns desses medicamentos são até mesmo proibidos no Brasil.

Quando isso acontece é porque não foram realizados estudos suficientes para comprovar a eficiência do fármaco.

Outra situação que leva a sua proibição é por já ter sido constatado que são prejudicais para a saúde.

De qualquer forma, se você comprar um remédio para perder peso faça isso em uma farmácia licenciada.

 Afinal, pessoas agindo de má fé podem até vender um remédio qualquer garantindo que é o da embalagem.

Não ensinam a ter uma alimentação adequada

 

Outras das verdades sobre os remédios para emagrecer é que, mesmo quando eles são prescritos por um médico, você precisa ter a consciência que ele não vai fazer nenhum milagre sozinho.

Ou seja, somente tomá-lo não é o suficiente.

Esses remédios devem ser usados apenas por um período de tempo, caso contrário, podem viciar e mesmo deixar de funcionar.

 Por isso, se você não aprender a ter uma alimentação equilibrada e saudável de nada vai adiantar.

Dessa maneira, não basta tomar o medicamento se, ao mesmo tempo, você come tudo o que quer sem nenhum controle.

É possível ganhar os quilos perdidos novamente

 As verdades sobre os remédios para emagrecer

Quando a pessoa toma um fármaco e não tem uma alimentação saudável, surge mais uma das verdades sobre os remédios para emagrecer.

 Após terminar o tratamento todos os quilos perdidos voltam a aparecer.

Isso acontece porque, para manter o peso que você alcançou com o remédio, é necessário comer adequadamente, inclusive, após parar de tomá-lo.

Se isso não ocorrer, você vai cometer os mesmos erros alimentares anteriores, levando novamente ao ganho de peso e frustração.

Você até pode achar que nunca vai conseguir emagrecer de verdade, porque nada dá certo. No entanto, é você quem está seguindo o método de perda de peso errado.

Com exceção de alguns casos, não é preciso usar medicamentos para chegar ao peso ideal.

A mudança nos hábitos alimentares é o mais importante.

Você quer fazer dieta e ter um emagrecimento saudável? Mas não sabe por onde começar. Confira esse guia completo para quem quer perder gordura abdominal e emagrecer.

Clique aqui Clique aqui

   

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *